Como abrir e energizar os chakras


alinhamento-energizacao-chakras-meditacao

A palavra chakra significa roda ou disco e tem sua origem no sânscrito, uma língua hindu de uso litúrgico. Chakras são centros de energia da natureza humana, distribuídos ao longo da coluna vertebral, que levam energia (prana) por canais (nadis). Esses plexos representam aspectos da natureza física e espiritual da nossa existência, ou seja, tem função de governar as qualidades do corpo, mente, emoções e espírito.

Os chakras controlam os sentimentos, a razão e as propriedades intuitivas

Os chakras devem estar limpos e alinhados para o bem-estar e harmonia do ser humano, o equilíbrio entre todos eles é de suma importância para que a felicidade e a saúde sejam alcançadas. Os instintos devem estar de acordo com os sentimentos e com os pensamentos, caso contrário a paz interior é só uma vaga lembrança. Alguns chakras estão em operação desde o nascimento da pessoa, outros porém, podem estar com pouca atividade ou simplesmente fechados. Nesse caso podemos tomar consciência e abri-los para alcançar a estabilidade. Segue algumas técnicas para realização do processo.

  • Muladhara1 Como abrir e energizar os chakras
    1º chakra, base ou raiz (Muladhara): localizado entre os órgãos genitais e o ânus. Começamos pela conexão com o solo, ficando com o corpo erguido, os pés alinhados aos ombros, joelhos levemente flexionados e pélvis pra frente. O intuito é deixar todo o peso distribuído de forma igual. Incline-se para frente e fique assim por alguns minutos. Feito isso, siga com a meditação sentando-se de pernas cruzadas, polegares e indicadores unidos suavemente pela ponta e concentre-se no chakra. Durante o relaxamento use o mantra LAM, sendo entoado de forma clara. O chakra base equilibrado proporciona sensatez, segurança e estabilidade física para o indivíduo e o seu desequilíbrio pode causar medo e nervosismo.
  • Swadhisthana Como abrir e energizar os chakras
    2º chakra, sacro (Svadhisthana): localizado nas costas, especificamente no osso sacral. O processo é semelhante, a mudança é na posição das mãos, que ficarão no colo com as palmas para cima, mão direita por cima da esquerda, tocando os dedos da mão direita por trás e os dedos polegares unidos pelas pontas. Concentre-se no chakra e entoe o mantra VAM. O chakra sacro refere-se a sexualidade da pessoa e em equilíbrio libera os sentimentos e expressa as emoções. Em desequilíbrio torna a pessoa apática, insensível e indiferente.
  • Manipura Como abrir e energizar os chakras
    3º chakra, plexo solar (Manipura): localizado no umbigo. Ajoelhe-se, relaxe e fique de costas eretas, as mãos devem ser colocadas no estômago com as palmas das mãos juntas e os polegares cruzados. Os dedos ficam esticados para frente e as mãos um pouco afastadas. Entoe o mantra RAM. O chakra do plexo solar refere-se ao individualismo, ao ego, onde proporciona a confiança, vontade e a decisão. Em desequilíbrio pode tornar a pessoa indecisa, arrogante e egocêntrica.
  • Anahata 150x150 Como abrir e energizar os chakras
    4º chakra, cardíaco (Anahata): localizado no centro do peito. Sente-se de pernas cruzadas e as pontas dos dedos polegares e indicadores devem se tocar. Na sequência, a mão esquerda ficará sobre o joelho esquerdo e a mão direita ficará a frente do peito, um pouco abaixo. Entoa-se a o mantra YAM. O chakra cardíaco lida com as emoções e em equilíbrio, proporciona sabedoria, torna a pessoa mais amistosa e compassiva. Em desequilíbrio pode tornar a pessoa piegas em demasia e também torna-la fria e amarga.
  • Vishuddha Como abrir e energizar os chakras
    5º chakra, laríngeo (Vishuddha): localizado na garganta. Ajoelhe-se, cruze os dedos no interior das mãos sendo que os polegares tocar-se-ão no alto, o mantra HAM deve ser entoada. O chakra laríngeo em equilíbrio proporciona a expressão e a comunicação da pessoa. Em desequilíbrio a pessoa poderá ser tímida ou verborrágica.
  • Ajna Como abrir e energizar os chakras
    6º chakra, frontal (Ajña): localizado acima das sobrancelhas, no meio da testa. Sente-se de pernas cruzadas e as mãos serão dispostas com os polegares se tocando, os dedos médios dobrados para dentro da mão e se tocando com os dedos médios da outra e os dedos mindinhos esticados e se tocando nas pontas. Entoa-se a palavra OM (AUM). O chakra frontal equilibrado proporciona o discernimento e clarividência e em desequilíbrio pode tornar a pessoa uma eterna vítima ou a viver no mundo da imaginação com possibilidades de alucinações.
  • Sahasrara Como abrir e energizar os chakras
    7º chakra, coronário (Sahasrara): ou da coroa, localizado no topo da cabeça. Sente-se de pernas cruzadas com as mãos para frente na altura do estômago, cruzadas nos dedos sendo que os dedos mindinhos ficam esticados e unidos nas pontas e os polegares se cruzando sendo o direito debaixo do esquerdo. Então, entoa-se o mantra NG. A meditação para esse chakra deve ser a mais longa de todas; no mínimo dez minutos. O chakra coronário equilibrado traz a sabedoria em si, consciência. Em desequilíbrio pode tornar uma pessoa espiritualizada em excesso esquecendo-se do físico e da vida prática e com muita rigidez nos pensamentos ou até intelectualizar demais.

A conclusão com o processo no Coronário só deve ser feito se o chakra raiz estiver bem aberto e forte. Em todos os casos, deve ter-se em mente o significado de como cada chakra influi em sua vida. A meditação e o relaxamento devem ser feito até que se alcance o sentimento de limpeza, energização e harmonia, que significa que o objetivo está sendo alcançado.

alinhamento energizacao chakras mudra Como abrir e energizar os chakrasDetalhe da posição do Chakra Sacro (wonderlane / Flickr)

A meditação pode durar de 10 a 20 minutos e ira aumentando com o tempo, mas uma vez que não se alcance resultados existem outros processos para aqueles que necessitem de algo mais específico. Siga os passos descritos e encontre o equilíbrio necessário para a sua vida.

(Imagem destacada: aigle_dore / Flickr)
(Imagens dos chakras: Mirzolot2 / Wikimedia Commons)

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !