Como ajudar um dependente químico


1505241959_05824609d4

A dependência química está presente em todas as camadas de nossa sociedade têm transformando cada vez mais os seres humanos em escravos da sensação de liberdade e prazer ilusório. Mas o que será que leva uma pessoa saudável à cair em tentação e tornar-se dependente químico?

Evitar o contato com drogas, bebidas alcoólicas e narcóticos é o primeiro e mais importante passo para combater este câncer que devasta tantas famílias ao redor do mundo, levando várias pessoas ao desespero, à autoflagelação e ao desamor por si próprio, tudo pela dependência substancial momentânea e gradativa.

Ninguém está livre deste problema que pode surgir entre os membros da família ou no círculo social, modificando totalmente a realidade e o comportamento de um amigo ou parente em contato direto com substâncias químicas lícitas e ilícitas.

Se você enfrenta esta triste realidade e possui algum conhecido nestas condições, veja estas dicas e saiba como ajudá-lo a sair desta situação desoladora e autodestrutiva.

6264435905 12a2f66e76 Como ajudar um dependente químicomiggslives/Flickr

Como ajudar um Dependente Químico

Nos dias atuais todos nós temos consciência do quanto é perigoso o uso de drogas, álcool e entorpecentes mesmo que em pouca frequência ou utilizados “sob controle” como muitos costumam relatar.

A verdade é que basta experimentar uma vez e pronto. O efeito da droga é instantâneo e, assim como o ar necessário para sobreviver, os narcóticos causam dependência no indivíduo, que se sente refém daquela substância todos os dias e cada momento.

Entender o que leva uma pessoa ao contato com as drogas é complicado visto que diversos fatores interferem ou influenciam nesta infeliz escolha pessoal: Problemas familiares, status social, curiosidade e auto-provação podem ser classificados como alguns dos fatores que impulsionam um indivíduo a procurar, experimentar e tornar-se um dependente químico.

Dificilmente uma pessoa nesta situação procura ajuda, até porque ela não se considera doente ou prejudicada pela substância dominante em seu corpo e mente. Quem mais sofre com este problema são os familiares e amigos dos dependentes, que, vendo pessoas tão importantes naquele estado, sentem a necessidade e o dever de livrá-las e ajudá-las contra os efeitos maléficos e destrutivos das drogas, do álcool e dos entorpecentes.

Você está enfrentando esta situação em sua família ou possui um amigo viciado em alguma substância química? Confira as dicas a seguir e veja como ajudar estas pessoas ao retorno do convívio social e na cura desta doença que atinge cada vez mais nossa sociedade.

7040145527 147ff3d3b41 Como ajudar um dependente químicoFredo in (((Stereo)))/Flickr

Dicas

  1. Ganhe a confiança do dependente químico. Isso é muito importante para que ele acredite em suas palavras e conselhos. Não grite, maltrate ou exclua-o de sua casa e de seus contatos caso seja uma pessoa viciada em drogas ou narcóticos, pois isto será o estopim para o agravamento do problema. Converse bastante com ela sobre outros assuntos até sentir-se seguro para falar sobre o tema em si.
  2. Convide-a para um passeio. Quando sentir que a pessoa está sóbria, chame-a para uma ida ao cinema ou para uma volta na cidade aparentemente sem a intenção de tocar no assunto da dependência química. Não pergunte se a pessoa está usando drogas e não exija explicações. Apenas diga que ficou muito triste quando soube do fato e assegure que não vai abandoná-la por isso, oferecendo amizade e respeito á esta pessoa que mais do que nunca precisará de ajuda interpessoal para voltar à normalidade.
  3. Prepare materiais de apoio para seus conselhos e atuações. Chame esta pessoa em sua casa e mostre à ela um filme, reportagem ou fotos de pessoas que vagam pelas ruas e que até mesmo perderam a vida em função da dependência química. Mostre a realidade dos efeitos das drogas e pergunte para ela qual sua expectativa de vida: Ser feliz ou entregar a vida para a infelicidade?
  4. Oriente o dependente a buscar ajuda clínica. Não trate um dependente químico como doente ou incapacitado. Eles não gostam de se sentir inferior às outras pessoas e não reconhecerão que precisam de ajuda até sentirem-se motivados a buscar auxílio médico pelas pessoas que mais desejam sua felicidade. Ofereça sua companhia e acompanhe-o em uma clínica de recuperação para dependentes químicos dizendo sempre palavras de incentivo, como se esta fosse uma fase passageira na vida dele.
  5. Vença a dor com o amor. Não trate uma pessoa dependente química com menosprezo e não desista de ajudar quem não pode enfrentar uma batalha sozinho, como é o caso da luta contra as drogas. Ofereça todo o seu apoio e crie um laço de afeto com esta pessoa, para que ela se sinta motivada na busca pelo tratamento contra este mal.

6307374507 d946b4e9df Como ajudar um dependente químicocagrimmett/Flickr

Você como parente ou amigo de um dependente químico deve oferecer suporte para que o mesmo queira se tratar e modificar sua realidade. Esta será a grande diferença na cura e na saúde desta pessoa, que precisa de palavras incentivadoras e gestos de respeito e amor para voltar à suas atividades normais.

Boa Sorte!

(Imagem Destaque: slapbcn/Flickr)

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !

3 replies to this post