Como controlar o nervosismo


8385422491_0f528f3f35

Frio na barriga, vontade de roer as unhas, pele gelada e boca seca. Você já se sentiu assim? Estes são alguns dos sintomas do nervosismo, uma reação psicológica que todos os seres humanos desenvolvem diante de situações inesperadas, decisivas ou de grande importância

Ficar nervoso é normal, mas sentir-se nervoso com frequência é motivo de atenção e policiamento, pois a raiz desta situação pode significar a ocorrência de um transtorno psicológico capaz de influenciar o indivíduo em seus relacionamentos e ações cotidianas.

2580085025 7f1cc8d205 Como controlar o nervosismospaceodissey/Flickr

Nervosismo – O que é realmente?

O nervosismo é interpretado como uma mudança comportamental espontânea, que se apresenta quando o indivíduo percebe situações de indecisão, insegurança ou medo de acordo com o modo que interage com as pessoas e o mundo como um todo.

Para um entendimento mais centrado, o nervosismo tem intimidade com os pensamentos e sensações de cada pessoa, e portanto, não é possível determinar uma situação ou momento no qual ele surgirá. Geralmente, ficar nervoso significa “temer algo, não ter certeza”, uma condição natural perante as novidades que a vida apresenta ao longo da existência de todos os seres humanos.

Porém, é preciso ficar atento com o nervosismo. Quando alguém fica nervoso por consequência de uma situação isolada, isso não é motivo de preocupações, porém, se o nervosismo é frequente e o indivíduo não consegue se concentrar em suas atividades, a questão muda de figura.

Neste caso, é fundamental que a pessoa busque apoio psicológico ou terapêutico capaz de identificar quais os fatores desencadeantes desta reação que poderá se desenvolver comportamentos extremamente prejudiciais à saúde do individuo e das pessoas ao seu redor, como é o caso da raiva e do descontrole emocional.

Como controlar o nervosismo

8383245717 91d5b44dcf Como controlar o nervosismowecometolearn/Flickr

Você certamente já ouviu aquela recomendação: “Tome um chá de maracujá para ficar mais tranquilo” sempre que expressou nervosismo em suas conversas e atitudes. Porém, é importante investir em outros métodos capazes de frear esta sensação que pode trazer sérios prejuízos ao longo do tempo.

Acompanhe agora cinco dicas especiais para que você não seja controlado pelo nervosismo e possa viver de forma mais tranquila e equilibrada.

Dicas

  • Pratique esportes. Esta é a melhor forma de extravasar os sentimentos de opressão característicos do nervosismo. Escolha um esporte ou atividade física que lhe agrade e descarregue toda a sua insegurança, medo e aflições aprisionadas em seu interior.
  • Durma e se alimente bem antes dos momentos de nervosismo. Se você fica nervoso com apresentações em público, esperas longevas de atendimento no banco ou teme enfrentar uma situação decisiva que dependa de sua ação, experimente dormir antes destes eventos, pois assim a sua mente e o seu corpo estarão mais leves e relaxados. A alimentação também é muito importante e a dica é realizar refeições em pequenas quantidades à base de produtos naturais e sem gorduras.
  • Leia sempre que puder. A leitura é o exercício da mente e nos capacita para o entendimento de nossas dúvidas e questionamentos. Basta olhar à sua volta e constatar: Pessoas que praticam a leitura são mais calmas e se comportam com mais naturalidade em seus relacionamentos interpessoais, com paciência e maturidade.

3089166379 de4ef614f1 Como controlar o nervosismo TWINTHOMAS/Flickr

  • Não fuja das situações tensas. É comum que o nervosismo nos leve à desistência daquilo que devemos realizar, porém, quando isso ocorre, ele se intensifica e começa a dominar lentamente as atitudes e pensamentos do indivíduo, que acaba deixando suas vontades serem abafadas pelo medo e a insegurança. É necessário encarar as situações de nervosismo da mesma forma que este sentimento surge, ou seja, naturalmente, pois só assim o problema será resolvido sem a necessidade de ajuda profissional.
  • Valorize seus talentos. Reflita sobre esta pergunta: Quando você ficou nervoso, qual era o ambiente e a situação ao qual estava inserido? Muitos desenvolvem o nervosismo porque não confiam em si mesmos, em seus talentos e em suas características pessoais, sempre considerando que outras pessoas serão-lhe superiores de acordo as exigências de uma determinada situação. Aposte naquilo que você sabe e gosta de fazer e desenvolva esta habilidade diariamente, pois assim, você sentirá mais confiança em suas capacidades e valorizará aquilo que lhe compete.

8511613976 023340303e1 Como controlar o nervosismoLife Mental Health/Flickr

Prepare-se física e mentalmente para situações que lhe deixam nervoso e tenha o controle daquilo que você deseja e precisa realizar, seja para o seu desenvolvimento pessoal ou profissional, e deixe o nervosismo ser apenas um pequeno detalhe em sua vida.

Boa Sorte!

(Imagem Destaque: Life Mental Health/Flickr)