Como criar Yorkshire


cao

O nome completo desse gracioso cãozinho é Yorkshire Terrier. É dócil, companheiro, super carinhoso e brincalhão, mas é também muito irrequieto e agitado, assim como todos os cães do grupo Terrier.

cao4 Como criar Yorkshire

Os cães desse grupo geralmente são excelentes caçadores de roedores e pequenos animais que se enfiam em tocas e ficam no subsolo. Possuem muita energia e são muito atentos, corajosos e irrequietos. Se você gosta de sossego, quer um cachorro tranquilo e que fique dormindo nos seus pés o dia inteiro, não escolha um Yorkshire. Embora não seja de latir muito, ele dará sinal a qualquer barulho diferente, por isso, se você mora em apartamento, esteja ciente que seu York latirá cada vez que escutar um barulho diferente no prédio.

cao1 Como criar Yorkshire

Se você pretende criar um York siga esses passos:

1. Tenha consciência do temperamento da raça antes de optar por ela.

2. Pesquise muito e prefira comprar de um canil renomado que faça um trabalho sério e de preferência que tenha cães que participem de exposições. Criadores sérios se preocupam em manter o verdadeiro padrão da raça.

3. Visite canis, converse, conheça os pais do filhote e principalmente conheça a proposta do criador. Se alguém se propõe VENDER um cão de raça, deve garantir que estejam saudáveis e dentro dos padrões.

cao3 Como criar Yorkshire

4. Cuide da pelagem de seu cão:

  • Por terem pelos longos e oleosos, os banhos devem ser semanais.
  • Use o secador para secá-los mais rapidamente.
  • Escove os pelos diariamente, se deseja mantê-los longos, pois embaraçam demais.
  • Corte sempre os pelos na região dos olhos.
  • Use lenços umedecidos na região genital e nas pernas – no caso dos machos – pois a urina pode impregnar nos pelos causando mau cheiro.
  • Providencie roupinhas para usar no inverno, pois sentem muito frio.
cao2 Como criar Yorkshire

5. Observe se em seus olhos formam mucos. Se sim, limpe sempre com água morna.

6. Cuide da alimentação de seu York. Por comerem muito pouco, a ração deve ser de excelente qualidade. Não dê nada que não seja próprio para cães, pois eles têm aparelho digestivo muito delicado, sendo comum vômitos e diarréias.

7. Tome cuidado com altura, principalmente enquanto filhotes, quando tem os ossos muito frágeis e qualquer queda seria desastrosa.

8. Cuide para que seu cão tenha um temperamento equilibrado:

  • Não carregue seu York no colo o tempo todo: Prefira mantê-lo no chão o maior tempo que puder. Carregá-lo no colo demasiadamente pode entortar sua coluna e o tornará anti-social, além de não aprenderem se defender caso haja necessidade. Um cão, por menor que seja, deve ser um cão e não um bebê humano. Cães devem andar, correr, cheirar, brincar.
  • Arrume um tempo para levá-lo passear ao menos uma vez por dia: Por terem uma energia muito grande, ela deve ser gasta com passeios e brincadeiras, caso contrário podem se tornar destruidores de móveis e objetos.
cao5 Como criar Yorkshire

Importante saber: 

  • Os filhotes são muito diferentes de um adulto, inclusive a cor, pois a maioria nasce com pelagem preta. Comprar um filhote de Yorkshire é um verdadeiro tiro no escuro, pois não há garantias que, quando adultos, terão peso, cor e  aparência de um York  Pior ainda se tiverem saúde debilitada, o que é muito comum acontecer com cruzamentos de “fundo de quintal”. Comprar de criadores sérios é imprescindível.
  • Se você pretende cruzar seu cão, escolha parceiros absolutamente dentro dos padrões e  saudáveis (peça comprovação através de exames), pois muitas doenças são transmitidas sexualmente. Saiba também que muitos problemas genéticos são transmitidos aos filhotes, dai a necessidade de muito critério na escolha do parceiro.
  • Tenha consciência que colocar mais filhotes no mundo é uma grande responsabilidade, pois há uma estatística que diz que apenas um em cada dez cães fica com seus donos originais até o fim de suas vidas. Há um número muito grande de cães abandonados e negligenciados, que vivem em condições de maus tratos e abandonos.

Pratique a posse responsável e tenha um amigo feliz e saudável por muito tempo.

Boa sorte!

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !