Como cultivar um jardim de borboletas


3366809228_d8889f87f1

Um jardim só está completo quando pousa nele todo o colorido das borboletas. Quem ama jardinagem ou apenas preza por esse espaço que tem em casa, sabe que o toque de beleza fica pelos pequenos animais moradores: sejam as joaninhas, os pássaros ou os outros pequeno visitantes. Mas o que mais encanta é o bater de asas multicoloridos das borboletas. Portanto, esse artigo trata de como adicionar vida e embelezar ainda mais esse espaço tão relaxante e atraente que é o jardim. Vejamos, então, alguns passos e formas simples de conquistar as ilustres borboletas.

Malaysia   Penang Butterfly Gardens   04 5208960098 300x225 Como cultivar um jardim de borboletas
McKay Savage/Wikimedia Commons

Passo a passo

  1. A primeira missão é pesquisar sobre quais são os tipos comuns de borboletas em sua região. Isso demandará de você algum tempo de observação. Caso você conheça algum biólogo interessado nessa área, o trabalho se tornará mais rápido. Do contrário, comece a observar as borboletas que voam ao redor de sua casa e anote suas características, como cores, tamanho etc. Depois pesquise em um guia local. Talvez encontre esse guia na internet ou até mesmo na biblioteca de sua cidade.
  2. Depois de pesquisar, anotar e organizar quais os tipos de borboletas circulam por perto, você terá um segundo passo: investigar quais as plantas hospedeiras e as plantas de néctar que sua região oferece. Pois são elas que alimentarão e manterão as borboletas em volta de seu jardim. As plantas hospedeiras são as ‘casas’ para as lagartas, que mais tarde virarão as lindas borboletas. Dois exemplos dessas plantas são as Asclepias, que atraem as lagartas que se tornarão as borboletas Monarcas, e as salsinhas que atraem as Caudas-de-andorinha.  Já para alimenta-las são as plantas de néctar e há uma lista enorme delas.
  3. Depois de escolher as plantas e flores que formarão seu jardim, é hora de organiza-lo. Faça um desenho (sim, funciona mais do que deixar só na imaginação!) de onde cada espécie ficará. Faça uma espécie de planta do seu jardim.
  4. Com a lista na mão vá até uma loja de jardinagem. Lá especialistas nesse assunto conseguirão aconselha-lo bem para qual material precisará ou poderá levar para facilitar seu trabalho. Que poderá ser desde terra adubada até outros tipos de plantas que chamam mais outros tipos de borboletas.

Butterfly Garden at Changi Airport Singapore 3366802230 300x240 Como cultivar um jardim de borboletasAndy Mitchell/Wikimedia Commons

Graças a essa variedade você terá inúmeras opções para compor seu jardim:

  • Buddleja, conhecidas com o propício nome de Arbusto de Borboleta são para as cauda-de-andorinha.
  • Asclépia-do-brejo, também serve como alimento de néctar para as Monarcas.
  • Margaridas, flores duráveis que agradam a todas as borboletas.
  • Zínia, atraem diversas borboletas, por ser uma planta alta. Seu cultivo é muito simples.
  • Pentas, atraem as causas-de-andorinha, florescem em clima frio.
  • Hiotrópio, sua preferência é por clima ameno. Atrai borboletas de diversas espécies.

 Malaysia   Penang Butterfly Gardens   20 5208963642 300x225 Como cultivar um jardim de borboletas
McKay Savage/Wikimedia Commons

Dicas

  • Saiba que as borboletas preferem flores e plantas que nascem e crescem agrupadas. Talvez pela praticidade ou para poderem se camuflar de predadores.
  • Assim que terminar de plantar seu jardim, lembre-se que o mais importante agora é a manutenção. Nesse tempo que terá, procure continuar pesquisando mais sobre as flores que plantou, para que saiba cuidar bem delas.

Boa sorte!

(Imagem Destaque: Andy_Mitchell_UK/Wikimedia Commons)

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !

4 replies to this post