Como dançar funk – Passo a Passo


4561736963_3a9186fd12

O funk é um ritmo brasileiro super dançante e irreverente. Com batidas bem marcantes e letras divertidas – muitas vezes de duplo sentido -, o ritmo toma conta das melhores festas. Mas daí vem a dúvida: como dançar funk? O ritmo é quente e às vezes não dá pra saber até onde ir sem parecer vulgar. Vamos ensinar a dançar funk tanto para quem quer se divertir sem arriscar passos mais ousados, quanto para quem não tem medo de exagerar e só quer sensualizar na pista. Como diz Waleska Popozuda: daquele jeito!

Passo a passo

Comece com os pés levemente afastados, em paralelo. Coloque um pé para frente de cada vez, no ritmo da batida mais forte da música. Assim você está marcando o passo. Depois que entrar na dança, aproveite e faça movimentos com os braços também: eleve ambos à frente do corpo e puxe ao mesmo tempo para trás, no tempo da música também. O ideal é unir estes dois movimentos. Os braços também podem ser colocados acima da cabeça e girarem ao mesmo tempo em que uma perna é levada à frente – depois é só repetir para o outro lado.

3518335060 1968a62612 300x199 Como dançar funk   Passo a Passo

Flickr

Coloque as mão sobre um dos joelhos e depois troque para o outro joelho. Faça esse movimentos nas batidas mais fortes da música. É importante jogar o bumbum para trás (não precisa empinar) para não ficar parecendo corcunda, o que fica muito feio.

Levante uma perna de cada vez, com o joelho até a altura do quadril. Vá trocando de perna. Você pode fazer esse passo girando devagar e também mexendo os braços.

Se divirta. Muito do “dançar funk” é soltar o corpo e deixar o ritmo te levar. E aqui vale balançar o braço no ritmo do pancadão, estalar os dedos, balançar o quadril e jogar a cabeça para os lados. O importante é dar risada com os amigos. O funk definitivamente não é um ritmo para ser dançado sozinho.

O funk sensual

Dançar funk também pode ser algo muito sensual. E nesse caso a dança é diferente, quente, para seduzir mesmo. Não dá para fazer esses passos na festa da firma, sob pena de demissão. Brincadeiras à parte, é permitido sensualizar com as amigas e até para seduzir alguém.

1357910330 17e202d0ea 300x184 Como dançar funk   Passo a Passo

Via Flickr

Rebole no ritmo da música. Você pode fazer os mesmos passos ensinados anteriormente, mas colocando uma boa dose de rebolado em todos eles. Aliás, o rebolado aqui é a base de tudo.

Vá rebolando devagar e se abaixando, fazendo o famoso “descendo até o chão”, presente em quase todo o refrão de funk. Aqui, a dica é não deixar os joelhos se projetarem muito para a frente, ou você ficará numa posição bem desconfortável e nada estética. Tente deixar o bumbum para trás para se equilibrar melhor. Depois, suba devagar, também rebolando, ou então inclinando o tronco para um lado e depois para o outro, até ficar completamente em pé.

Cuide dos seus joelhos. Se for dançar com salto, mais ainda. O descer e subir típico do funk pode fazer mal às articulações. Então, já sabe, antes de se acabar no ensaio de funk na frente do espelho, dê uma alongadinha nos joelhos: puxe um pé de cada vez para trás (o mais perto do bumbum que conseguir) e conte até dez, com a coluna ereta.

Agora que vocês já sabem dançar, boa diversão, “tchutchucas” e “tigrões”!

Boa Sorte!

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !

12 replies to this post