Como decorar quarto infantil gastando pouco


6017640079_b40f626bb3

Está feliz com a gravidez e quer preparar um enxovalzinho com a qualidade que o bebê precisa e merece e também um quarto lindo, prático e aconchegante e, ainda gastar pouco?

Com planejamento, pesquisa de preços, carinho e bom gosto, é possível fazer uma decoração à altura para receber essa doçurinha que vai proporcionar grandes alegrias à família. Existem grandes marcas, que oferecem artigos macios e próprios para a pele suave do bebê a bons preços, principalmente quando há troca de estação e muitos produtos entram em promoção.

2511482308 9899a0e18a Como decorar quarto infantil gastando poucoalleganycountylibrary/Flickr

Chegou a hora do quarto do bebê

Veja algumas dicas de como preparar, com requinte, o quarto infantil para receber esse príncipe ou essa princesa e, ao mesmo tempo, economizar.

  • Lembre-se da importância de dormir no próprio quarto, desde os primeiros dias de vida e já pense em montá-lo de uma maneira que dê para passar as noites que forem necessárias com o bebê, até para facilitar os horários de mamadas. Para isso, é aconselhável ter, além do berço e uma cômoda que acomode as suas roupinhas, uma cama, que já descarta a necessidade da poltrona de amamentação. Essa cama deve harmonizar-se com a decoração do quarto e, ao mesmo tempo, oferecer conforto para a mãe. Não há necessidade de fazer, para ela, as peças iguais às do kit de berço.
  • Disponha de um tempo para procurar um kit de berço bonito, de qualidade e com preço dentro do seu orçamento. A partir daí, compre tecido liso, macio e que combine com o kit, para fazer a colcha da cama e capas de almofadas. Travesseiros também têm o formato ideal para essa função. Faça então as capas em duas cores: três com a mesma cor da colcha e duas em um tom que combine com ela e o enfeite do berço. O resultado final é uma cama para a noite e um confortável sofá para amamentar e receber visitas mais íntimas.

800px MEBELI Detska 3 Ivan BerkovicaIMG 1178 Como decorar quarto infantil gastando poucoAnatoliy/Wikimedia Commons

  • Use as faixas para decoração apenas em uma ou duas paredes ou até, para ficar mais em conta, compre adesivos do tema escolhido para decorar. Outra ideia, que torna o ambiente bem agradável e infantil, é colocar prateleiras na parede, com alguns brinquedos que já foram comprados para o recém-nascido ou enfeites relacionados ao tema escolhido.
  • E para ter uma luz indireta, a fim de oferecer um sono mais tranquilo e reparador ao bebê, use uma lâmpada própria para colocar em tomadas.
  • Cortinas e tapetes são dispensáveis no quarto infantil mas, se fizer questão, escolha-os em cores neutras e suaves. A cortina com varão, apenas no espaço da janela e até o chão, além de ter o preço mais acessível, é bonita e dá um toque especial ao ambiente. Escolha tapetes antialérgicos e mantenha-os limpos e sem pó.

As crianças crescem e deixam o berço

Conforme a criança cresce, vem a necessidade de passá-la para a cama e reformular o quarto. O berço e a cômoda devem dar lugar a um bom armário e naquela cama, que foi comprada há alguns anos, basta colocar as grades de segurança que, com o tempo, são retiradas.

Nessa fase os gastos já são menores e fazer um armário para ser usado em todas as idades vale a pena. Depois disso, é só caprichar na colcha e em algum quadro na parede, mantendo as prateleiras sempre no tema da decoração.

199705215 ced32b419d Como decorar quarto infantil gastando poucodanielle_blue/Flickr

Dicas

  • O berço, como é usado por pouco tempo, pode ser emprestado de algum parente.
  • Há lojas que vendem colchas e almofadas, de vários tamanhos, no mesmo tecido. É bom ver os preços antes de comprar o tecido para confeccioná-las.

Prepare tudo para receber o bebê com bastante amor. Preocupe-se com a qualidade de vida que deve oferecer a ele, através dos cuidados diários, roupas confortáveis, ambiente tranquilo e acolhedor e diálogo, mesmo antes do nascimento. Colabore com o seu desenvolvimento físico, mental e social e esteja presente em todos os momentos da sua vida.

Felicidades!

(Imagem Destaque: inoc/Flickr)