Como fazer a apresentação de um trabalho escrito


presentation3

Ao finalizar um trabalho escrito, seja um artigo, um trabalho de conclusão de curso ou apenas um pequeno relatório sobre a história do Brasil – por exemplo, deve ser levado em consideração, em caso de apresentação do mesmo, o foco do trabalho.

Presentation1 Como fazer a apresentação de um trabalho escrito

Antes de continuar, confira outros artigos que podem ajudá-lo em seu trabalho escolar:

Sempre pensando em seu contexto, o pesquisador precisa entender a fundo sobre o assunto a ser apresentado. Se estivermos falando de um trabalho escolar, o trabalho pode ser organizado num PowerPoint, ou em cartazes nos seguintes critérios:

  1. Tema
  2. Pontos Principais
  3. Foco no problema/ desenvolvimento do tema
  4. Conclusão

Mas não é só pensar no que estará no slide. Ele deve servir como uma base para o apresentador, devendo usufruir do slide somente as informações necessárias.

presentation Como fazer a apresentação de um trabalho escrito

Pensando como um aluno que irá apresentar um trabalho sobre a história do Brasil, por exemplo, que foco deve ser tomado?

A primeira coisa que deve ser levada em consideração é a ordem cronológica dos fatos. Às vezes pode ser interessante utilizar uma linha do tempo, e usá-la como base sempre que certo período for finalizado para entrar outro. Outro ponto interessante é ilustrar os acontecimentos. Isso fixa melhor na cabeça do apresentador e de quem está ouvindo a apresentação.  Mas atente-se a referir-se às imagens corretamente, e no momento certo.

Voltando à estrutura do slide, vale considerar que não se deve usar textos muito extensos. O apresentador não deve ler e, se o texto estiver lá, os ouvintes acabarão lendo em vez de ouvir sua explicação. Por isso, pequenos textos, tópicos e frases são suficientes para alertar a situação.

Agora, se o trabalho tiver um cunho científico, como o artigo e o TCC, a apresentação deve ser focada, além de todo o conceito principal da pesquisa, nos seus referentes. O professor orientador e o quem estará julgando a obra estão atentos às suas referências. Eles certamente vão querer saber de que autor você retirou tal citação e por que você usou determinada metodologia de pesquisa (seja ela bibliográfica, documental, entrevistas em profundidade, estatísticas descritivas, etc.).

Existem diversos tipos de apresentação para um artigo científico, ou TCC. Você pode apresentá-lo em forma de seminários, em forma de vídeo, em painéis, etc. Se, ao apresentar, você puder escolher algum deles, aqui vão pontos favoráveis e desfavoráveis que você poderá enfrentar em cada um deles:

presentations Como fazer a apresentação de um trabalho escrito

Seminários

Quando acontecem em grupo, são mais fáceis de apresentar e o conteúdo pode ser aprofundado com diversas outras ferramentas, como áudio, vídeo, textos, imagens, slides e afins. Contudo, é interessante que todos os integrantes que forem apresentar tenham o domínio do que estão falando, e que estejam ensaiados, para saber exatamente o que dizer, na hora certa.

O principal ponto negativo são as falhas que um integrante ou outro pode cometer, caso não haja perfeita fluência com o tema. Um apresentador pode esquecer sua fala e outro ter que cobri-lo, por exemplo.

Na apresentação individual, o ponto favorável pode ser desfavorável também. Você é o apresentador, e toda a responsabilidade e conseqüências do sucesso ou insucesso serão suas.

Vídeo

Muitas universidades estão adotando o método em vídeo para apresentações, principalmente em áreas de comunicação social e pesquisa. O principal ponto positivo do vídeo é que você pode gravá-lo quantas vezes for necessário para que o conteúdo esteja ideal.

E por outro lado, o que pode atrapalhar sua nota num trabalho em vídeo são as questões técnicas. Se o áudio ou a imagem não for de qualidade, ou se ele foi gravado em algum formato que o computador utilizado desconhecer, este pode ser um grande problema.

Painéis

Os painéis (ou cartazes) são o meio mais rápido de se apresentar um trabalho, mas ele tem que ser bem elaborado. Nele, poderá ser utilizado mais texto e imagens, visto que qualquer pessoa poderá analisá-lo fielmente, antes ou depois de sua apresentação, que não pode ultrapassar 10 minutos.

O ponto negativo pode ocorrer em sua apresentação. Como o texto esta lá, para qualquer um ler, ele pode ser alvo de contradições, caso você não dominar o tema.

E o mais relevante, claro, é estar calmo e confiante. Por melhor que as ferramentas podem ser, elas não são tão importantes quanto saber exatamente o que falar.

 

2 replies to this post