Como fazer cálculos trabalhistas


533757905_91b5a3675c_b

Todo trabalhador com carteira assinada, quando se desliga de uma empresa, tem valores referentes à seus direitos para receber quando fizer a rescisão contratual. Esses valores são praticados de acordo com a lei vigente e devem ser calculados a risca. Casa haja alguma irregularidade o até então empregador pode levar uma multa altíssima. Fazer os cálculos trabalhistas não é tão complicado como pare ser. Por isso aqui veremos como fazê-los, para que você possa entender melhor como funciona e até mesmo saber conferir, para ver se está tudo dentro dos conformes. Vamos lá.399608354 34ae08e560 z Como fazer cálculos trabalhistasPrimeiramente, vejamos quais são os principais direitos que o trabalhador possui, que calculados se transformam em valores a serem pagos ao mesmo:

  • Aviso prévio indenizado;
  • Saldo de salários;
  • Férias proporcionais somadas a um valor equivalente a um terço (1/3) do mesmo;
  • 13º salário proporcional;
  • FGTS.
Vejamos agora a parte mais importante: O cálculo de cada item.
pis pasep 2013 calendario pagamentos Como fazer cálculos trabalhistas
  • Aviso prévio indenizado – Se o empregador decidir encerrar o contrato de trabalho, deverá conceder ao funcionário o direito ao aviso prévio, com um prazo de 30 dias de antecedência. Caso o empregador não o conceda, deverá indenizar o funcionário na mesma proporção. Ou seja, pagará ao mesmo o equivalente a 30 dias de trabalho. Por exemplo, se o funcionário recebia um salário equivalente a R$ 700,00 mensais, receberá o mesmo valor como forma de indenização caso seja demitido sem aviso prévio.
  • Saldo de salário - Para calcular o saldo de salário do empregado é bem simples: Basta dividir o valor do salário por 30. Por exemplo: R$ 700,00/30 é igual a R$ 23,33. Isso significa que o empregado ganha R$ 23,33 por dia trabalhado. Agora que o valor diário ganho pelo trabalhador foi definido, devemos multiplicar o valor obtido pelo número de dias trabalhados no mês, então poderemos obter o saldo de salário. Por exemplo, vamos supôr que o empregado tenha trabalhado 18 dias no mês, recebendo 23,33 diários. Multiplicamos esses valore, que darão um total de R$ 419,99 de saldo se salário.
  • Férias proporcionais - Quando o empregado completa um ano de trabalho dentro da mesma empresa, adquire o direito de ter 30 dias de férias, desde que ele não tenha faltado injustificadamente. Caso contrário a quantidade de dias será dimunuída, de maneira proporcional às faltas. O empregador tem o período de um ano para dar férias a seu empregado. Vamos supôr que um empregado, recebendo R$ 700,00 mensais, tenha trabalhado por 12 meses antes do delisgamento. O cálculo das férias ficaria da seguinte maneira: Dividimos o valor do salário por 12 e multiplicamos por 13, referente aos 12 meses trabalhados, acrescidos de mais 1 mês, referente ao aviso prévio indenizado: 700/12 = R$ 58,33 x 12 = R$ 700,00.
  • 1/3 sobre férias - A legislação trabalhista brasileira determina o pagamento das férias proporcionais, acrescidas de 1/3 do valor total. O cálculo ficaria assim: R$ 700,00/3 = R$ 233,33
  • 13º salário proporcional – O cálculo é feito seguindo praticamente no mesmo padrão das férias proporcionais. Veja: R$ 700,00/12 = R$ 58,33 x 12 = R$ 700,00
  • FGTS – O empregador tem a obrigação de descontar todo mês do empregado um valor equivalente a 8% de seu salário. O cálculo é simples: R$ 700,00 x 8% = R$ 56,00 x 12 = R$ 672,00
6 replies to this post
  1. Eu tirei ferias proporcionais no final do ano de devido ao recesso que teve na empresa, fiquei 15 dias em casa, se eu pedir para sair da empresa mas trabalhar 1 mes, quando for receber vou ter direito a 50 % do valor destar férias mais 50% das 1/3 que teria que receber?

  2. comecei a trabalhar no dia 16/08/2012, mas fui registrada somente no dia 01/09/2012, hoje estou me desligando da empresa, realizei meu pedido de demissão no dia 14/01/2013, quando fui para o acerto me pedirão para cumprir o aviso prévio, termino de cumprir no dia 31/01/2013. como calcular meus direitos trabalhados