Como fazer diagrama espinha de peixe


fishbone

O diagrama espinha de peixe é uma ferramenta gráfica muito importante e muito utilizada por administradores de empresas para que se possa observar o controle de qualidade de produtos e serviços, também pode ser chamado como diagrama causa-efeito.

O principal objetivo dessa ferramenta é analisar, classificar e elucidar eventuais problemas (efeitos) e possíveis consequências ou causas que estejam relacionadas, visando sempre cumprir tudo o que estiver descrito na espinha de peixe, para que a qualidade desejada nas operações seja alcançada com eficiência.

Dada à importância dessa ferramenta, este artigo irá explicar como fazer um diagrama espinha de peixe.

4439070943 986114432c z F550x450 Como fazer diagrama espinha de peixe

Via Flickr

O que é necessário

  • Fazer o diagrama com seis linhas descrevendo causas e subcausas

Agora veja com detalhes quais são as causas que devem ser descritas nessas seis linhas do diagrama espinha de peixe.

1ª Causa: Método

Nesta linha será descrita todo o procedimento que estava sendo utilizado, ou os sistemas que são desenvolvidos na execução dos trabalhos. Visando a melhoria desses métodos para que se possam atingir as metas de produtividade e as margens de lucros e resultados.

2ª Causa: Matéria Prima

Esta causa corresponde ao material utilizado como matéria prima para que se obtenha o produto final. Visando a melhoria e sempre buscando novos tipos de materiais para que se possam cortar custos.

3ª Causa: Mão de obra

Nessa causa as atitudes e comportamentos dos setores operacionais de uma empresa como os funcionários. Visando uma melhoria em comportamentos inadequados como: pressa, imprudência, ato inseguro, atrasos, falta de produtividade entre outros.

4ª Causa: Máquinas

Nessa causa será observada toda a estrutura do maquinário envolvido para que sejam realizados os trabalhos. Avaliando a capacidade de produção, o tempo de quebras e de paralisações.

5ª Causa: Medida

Nessa causa, serão avaliadas as medidas que foram tomadas anteriormente para que fosse melhorado o processo. Esta causa facilita a tomada de novas decisões para que sejam tomadas medidas que visem à melhoria continua do processo de produção.

6ª Causa: Meio Ambiente

Nessa causa todas as condições que envolvam o meio ambiente e o espaço físico que será utilizado na instalação de novas máquinas e equipamentos é avaliada. Dessa forma um redimensionamento poderá ser feito para que sobre mais espaço para locomoção ou para que haja uma diminuição no tempo de locomoção do operador. Visando também a diminuição da poluição.

Essas causas são essenciais para que se possam conseguir as melhorias desejadas, identificando seus efeitos sobre a qualidade dos produtos.

Agora veja como fazer a estrutura de um diagrama espinha de peixe.

4741345269 cb0c3a9646 z F550x450 Como fazer diagrama espinha de peixe

Via Flickr

Estrutura

  1. Cabeçalho – descrevendo título, data e nome da corporação ou grupo de trabalho;
  2. Efeito – conterá o indicador de qualidade e o enunciado dos projetos e problemas, sempre será descrito no lado direito, desenhado no meio da folha;
  3. Eixo central – é a espinha do peixe, simbolizado sempre com uma flecha apontada para o efeito;
  4. Categorias – são as linhas que saem da espinha interligando os fatores de causas e efeitos;
  5. Causa – sempre serão desenhadas em linhas horizontais;
  6. Sub-causas – são as causas em potencial que contribuem para a causa final.

Os problemas ou efeito são sempre descritos do lado direito da espinha de peixe, as influências ou causas maiores sempre serão desenhadas do lado esquerdo.

Esse método é muito antigo e muito eficaz quando se está fazendo uma reunião para que se possam esclarecer todos os fatores fundamentais para o sucesso de uma empresa.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !