Como fazer exame de HIV


hiv

A Aids com certeza é um assunto muito comentado entre as famílias brasileiras, que sempre procuram esclarecer da melhor forma a doença para seus filhos, sendo também uma forma de prevenção, até mesmo para que esse jovem tenha plena consciência do está fazendo. Porém mesmo sendo um assunto muito comentado, ainda existem algumas duvidas referente a doença, como no caso da diferença entre o HIV e Aids, você saberia explicar o que é o HIV? O HIV é o vírus causador da Aids, ou seja, a Aids é apenas a consequência do trabalho desse vírus no nosso organismo.

hiv1 Como fazer exame de HIV

Fazer Exame de HIV 

Como a maioria das pessoas sabem, esse vírus vai diretamente para corrente sanguínea, por isso o exame é feito de forma simples, através de uma amostra de sangue retirada do paciente em questão.

hiv2 Como fazer exame de HIV

  1. Procure o posto de saúde de seu bairro, peça informações referente ao exame de HIV, em alguns municípios existem laboratórios que são feitos especificamente para atender a saúde pública. Porém não são todos os municípios que contam com esse atendimento gratuito.
  2. Opte pelo exame particular, caso queira um atendimento exclusivo e que ofereça um melhor acompanhamento. Pois algumas pessoas podem ficar depressivas com o resultado positivo, por isso contar com um bom profissional é com certeza a melhor escolha.
  3. Lembrando que em ambas as opções, você terá um acompanhamento antes do exame. Com esse acompanhamento a pessoa poderá interpretar da melhor forma o exame, não ficando com duvidas em relação ao resultado.
hiv4 Como fazer exame de HIV

Formas de exames:

Atualmente são utilizados dois exames para confirmar se a pessoa está realmente infectada com o vírus HIV. Exames contam com uma base de procedimento muito parecida, porém existe um exame considerado mais simples e outro mais avançado.

  1. Procure primeiramente o exame Elisa, trata-se de um teste utilizado para detectar anti-corpos de anti-HIV. Ao invés de procurar o vírus HIV, o exame procura os anti-corpos que se desenvolvem como forma de resistência ao vírus HIV no organismo. Esse exame é rápido, porém pode oferecer algumas falhas, e muita das vezes pode apontar como positivo uma pessoa que não está infectada.
  2. Exame de Western Blot é a segunda opção, sendo um exame mais detalhado e que oferece uma melhor definição do vírus que está atacando determinado organismo. Por utilizar procedimentos mais complexos, esse exame só pode ser feito apenas depois que o paciente fizer o exame Elisa duas vezes, levando em consideração que ambos os resultados sejam iguais.
hiv3 Como fazer exame de HIV

Mesmo que todos os exames deem negativo, é preciso levar em consideração o tempo que seu corpo consegue ficar imune ao vírus. Durante esse tempo nenhum vírus do HIV ataca seu organismo, com isso o organismo não precisa criar defesas para combater determinado vírus, o que acaba fazendo com que o mesmo não seja detectado pelo exame Elisa.

Esse tempo que o organismo fica imune pode ser em curto ou longo prazo, lembrando que já houve alguns casos onde a pessoa ficou imune ao vírus, porém transmitia o HIV para as outras pessoas, isso por que durante o começo da infecção a taxa de vírus no sangue é ainda maior. Siga todas as dicas e boa sorte!

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !