Como fazer ponto crivo


crivo

Nós gostamos de ver nossa casa bem decorada, e nossa cozinha então? Nada melhor do uma cozinha caprichada, com panos de cobrir pratos bordados e lindos… Toalhas de mesa perfeitas feitas a mão se for por nós mesmo melhor ainda.

Hoje resolvemos investir nessa área, vamos te ensinar um ponto de bordado que é elegante, sempre atual, lindo, causa inveja em quem o admira cobiçado, desejado e conhecido como um ponto difícil, mas eu penso que só é difícil o que não sabemos, quando aprendemos tudo fica muito fácil e simples, assim é a vida.

O ponto crivo que vamos ensinar hoje, é bastante usado para fazer bordados delicados, muito usado para fazer panos de cobrir louça assim como toalhas de mesa, toalhas de banho, e até mesmo roupas. É uma técnica que nos permite uma ampla reprodução de figuras e formas que poderão ilustrar nosso enxoval de cozinha e deixa-los com uma beleza impar.

O ponto crivo é bastante utilizado em trabalhos artesanais da ilha da Madeira. Conhecida em todos os mundos por seus belos trabalhos artesanais em enxovais. De lá o ponto crivo ganhou o mundo, e hoje é um dos bordados mais cobiçados, por sua técnica de dar ao pano um ar elegante e suave, que temos que admitir só as antigas portuguesas da ilha da Madeira poderiam ter a sensibilidade para criar.

584555673 bd19dfa1c0 z F550x450 Como fazer ponto crivoLollyKnit / Flickr

Materiais

  • 1 pano de prato branco com barra de étamine ou então corte um pedaço de talagarça e costure na barra do pano onde você quer fazer os bordados
  • Linha Anchor Perlé nº 1202
  • Agulha Tapestry da corrente Milward nº24
  • 1 tesoura de ponta fina, especifica para bordados delicados.

Passo a passo

  1. Passe o fio 1202 na cor que você escolheu na agulha e faça um nó no avesso do bordado;
  2. Coloque a agulha um dos quadrados do tecido, sempre de baixo para cima. E transpasse a agulha por baixo do ponto que foi feito inicialmente e agora faça mais um da mesma forma;
  3. Faça uma sequência de 4 casas transpassando a agulha sempre do lado do avesso, cruzando sempre 2 quadrados e retornando ao ultimo ponto. Desse modo você vai criar uma espécie de ziguezague com as pontas altas e baixas;
  4. Esse processo será feito até você terminar uma linha completa de quadrados do tecido que você escolheu a talagarça ou o étamine. Bem agora vamos para a próxima fase;
  5. Passe a agulha por baixo (avesso), e retorne para cima no centro do primeiro espaço, retorne novamente cruzando a primeira passada;
  6. Repita esse processo em duas fileiras do tecido. E depois desça o fio para a carreira de baixo e depois suba para a linha em que os pontos anteriores foram feitos. Passem novamente a agulha por baixo (avesso) de todos os pontos para fazer o crivo. Faça essa sequencia por 3 vezes;
  7. Agora que está feita essa fase, você vai transferir a agulha para o lado de baixo do tecido e fazer uma carreira de ponto livre que é o que vai dar estrutura para o seu desenho. Passe a linha em um quadrado para cima e para baixo, volte e enlace o ponto;
  8. Vamos finalizar o nosso trabalho em ponto crivo, passando o fio por todos os quadrados do tecido. Agora vamos fazer uma carreira preenchendo os espaços com ilhós, mas sem arrematar o fio. Depois você transpassa a agulha novamente para baixo (avesso) e dá um no e corta o fio;
  9. Caso queira desfie a talagarça e assim o tecido ficará apenas com o seu bordado maravilhoso.

7159733092 fa131e3890 z F550x450 Como fazer ponto crivokellyhogaboom / Flickr

Boa sorte!

(Imagem destaque: LollyKnit / Flickr)

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !