Como fazer um bom aterramento elétrico


8354396854_6b5dca8126

Um bom aterramento elétrico tem como função a realização da devida proteção do usuário das descargas elétricas da atmosfera nos equipamentos elétricos em uso através de um encaminhamento alternativo e qualitativo para a terra, o chamado fio terra. Proporciona também um funcionamento facilitado dos dispositivos protetores como disjuntores e fusíveis através da corrente desviada. Além disso, descarrega para a terra as cargas estáticas que são acumuladas nos corpos dos equipamentos ou das máquinas que são utilizados com eletricidade.

O aterramento elétrico será feito enquanto um condutor construído através de um caminho metálico e que não deverá contar com circulação de corrente elétrica.

5106374474 7f6785eb85 Como fazer um bom aterramento elétricowonderlane/Flickr

Para saber como fazer um bom aterramento para proteção dos seus equipamentos elétricos é preciso considerar alguns cuidados.

Como fazer um bom aterramento elétrico – Dicas

Seguem abaixo algumas dicas a serem seguidas que são muito importantes para a realização de uma instalação de muita eficiência.

  • Um aviso importante e que se deve seguir são as normas estipuladas pela ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas – para as instalações elétricas realizadas sob-baixa tensão. São três, os sistemas mais utilizados conforme a norma NBR 5410:
  • O Sistema TN-S possui o neutro, que é uma via de condução que conta com corrente elétrica fornecida pela concessionária, é aterrado logo na saída do transformador enquanto o condutor do aterramento elétrico é conectado ao equipamento com direcionamento para a terra.
  • Outro Sistema é o TN-C, que não é muito aconselhável o seu uso, uma vez que o aterramento neutro e o aterramento elétrico contam com um mesmo condutor. Esse mesmo condutor levará o fio terra e o neutro para a haste metálica direcionada para terra.

5482910065 c4b0289a06 Como fazer um bom aterramento elétricoTim Patterson/Flickr

  • O Sistema mais recomendado é o TT devido a sua grande eficiência. O neutro possui seu aterramento na saída e é condicionado como neutro mesmo até o equipamento elétrico. Já o aterramento elétrico do equipamento possui u8m condicionamento independente do neutro a partir de uma haste também independente do aterramento neutro.
  • Para ser usada na instalação, a haste de aterramento deverá possuir medidas como de 1,5 m a 4 m. A peça deverá ser fabricada com alma de aço e revestida de cobre.
  • O cálculo de dimensionamento para a realização de um aterramento será necessário ser feito para se saber a melhor constituição da haste, de sua resistividade, para conhecimento do solo e de sua geometria entre outros fatores que podem influir para um bom aterramento. Um valor ideal para um aterramento elétrico seguro e de eficiência fica por volta de 5 ? (ohms). Dependendo dos cálculos, pode ser necessária mais de uma haste para se alcançar tal medida.
  • Para a medição de resistência da terra poderá ser usado um termômetro que conta com duas hastes que lança uma corrente elétrica para a terra que será transformada em queda de tensão pela resistência das hastes do termômetro para conhecimento do valor de resistência da terra em ohms.

8543037930 f534cebe02 Como fazer um bom aterramento elétricoafresh1/Flickr

Dependendo das características químicas do solo, poderá ser utilizadas hastes de aterramento de 0,5 polegadas de diâmetro, malhas de aterramento muito indicadas para solo sujo ou extremamente seco e é feita de cobre ou estruturas metálicas das fundações de concreto que são componentes de construção do prédio.

Escolha a melhor forma de realizar o seu aterramento elétrico e boa sorte!

 (Imagem Destaque:  Chris Hunkeler/Flickr)

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !