Como Fazer um Plano de Aula


aula

Uma boa aula é aquela que foi preparada antecipadamente. E você pode ter a certeza de que os alunos percebem quando o professor se preparou, pesquisou, estudou e foi atrás de novas dinâmicas para a aula. E, nos dias hoje em que está cada vez mais e mais difícil de chamar a atenção do aluno para a sua aula, ter um plano de aula em mãos com atividades bem preparadas faz a diferença.

aula presencial Como Fazer um Plano de Aula

Se você é professor que está começando a dar aulas e ainda não sabe muito bem como prepará-las ou se você já dá aulas há algum tempo mas quer diferenciá-las, o Comofas te ajuda!

1)      Em primeiro lugar, você precisa ter um objetivo em mente e esse objetivo contará sempre com uma habilidade que você queira desenvolver nos seus alunos (de acordo com a disciplina que você ministra) mais a razão pela qual você quer desenvolvê-la.

Objetivo = habilidade a ser desenvolvida + razão para se desenvolver tal habilidade

Ex.: (para professores de língua portuguesa) “Expressar suas ideias e opiniões de forma oral e escrita para aprimorar sua capacidade comunicativa.”

2)      Lembre-se que esse objetivo traçado deverá dizer respeito às habilidades que o aluno deverá desenvolver. Para que fique mais fácil e mais claro, pense da seguinte maneira: “ao final da aula, os alunos deverão ser capazes de…”. Dessa forma, você terá mais claramente qual será o seu objetivo da aula.

aula Como Fazer um Plano de Aula

3)      Depois disso, faça um cronograma da aula, ou seja, escreva detalhadamente cada coisa que você pretende fazer durante a aula e faça uma estimativa de quanto tempo levará cada atividade para que você não se perca e acabe não concluindo a aula da maneira desejada.

Veja um exemplo de cronograma para uma aula de língua portuguesa assumindo que esta tenha cerca de 50 minutos:

1. Apresentação da música Maior Abandonado, de Cazuza e Frejat (5 min.).

2. Compreensão e interpretação da música de forma oral, tentando levantar assuntos que se relacionem com o tema do abandono/distanciamento entre pessoas, tratado no conto que virá a seguir (20 min.).

3. Apresentação do conto Grande Edgar, assim como de seu autor, Luis Fernando Veríssimo (5 min.).

4. Leitura silenciosa do conto (10 min.).

5. Leitura expressiva do conto pelo professor (5 min.).

6. Compreensão e interpretação do conto de forma oral, destacando temas como “como nos distanciamos de pessoas importantes ao longo da vida”, “como nos tornamos ‘apenas mais um’ aos olhos da sociedade”, “como nós mesmos não nos damos a devida importância”, etc. (25 min.).

7. Análise do conto conforme as estruturas características do gênero (apresentação, complicação, clímax, desfecho) (15 min.).

8. Escrita de um pequeno texto que responda a pergunta “Quem é o “maior abandonado do título da música?” (15 min.).

Cronograma Como Fazer um Plano de Aula

4)      Feito isso, escreva uma lista de Tópicos de Conhecimento (também conhecido por Conteúdo Programático). Ele contém basicamente os temas e assuntos estudados em sala de aula, referindo-se a conceitos, preceitos, procedimentos etc.

5)      Agora é hora da parte mais trabalhosa: a descrição das Formas de Mediação. Nessa parte, você descreverá detalhadamente cada uma das atividades listadas no cronograma. Você pode dividir a aula em diferentes momentos (onde cada um terá o seu ponto central específico) como no exemplo abaixo:

Primeiro Momento

Composta pela apresentação da música e por sua compreensão e interpretação. Algumas questões orais deverão guiar a discussão, tais como:

  • O que é um “maior abandonado”, citado no título da música?
  • Por que a música diz que “raspas e restos me interessam” (linhas 8 e 9), “mentiras sinceras me interessam” (linha 11)?
  • O que são “mentiras sinceras”?
  • Quem é o “tu” ao qual a música se refere?
  • A que se refere a passagem “pequenas porções de ilusão” (linha 10)?
  • Que tipo de proteção o “maior abandonado” deseja?

Segundo Momento

Apresentação do conto Grande Edgar, do livro de onde ele foi retirado, As mentiras que os homens contam, e do autor Luis Fernando Veríssimo. A obra pode passar de aluno em aluno para que seja manuseada e vista mais de perto. Caso houver exemplares na biblioteca, é importante que isso seja informado aos alunos.

Após é feita a leitura silenciosa pelos alunos e em seguida a leitura expressiva pelo professor. A compreensão e interpretação é feita de forma oral, guiada por questões como:

  • Já lhe aconteceu situações parecidas com a do conto? De que forma? Você esqueceu de alguém, ou alguém esqueceu quem você era?
  • Por que nos esquecemos tão facilmente dos outros?
  • Por que confundimos estranhos com pessoas conhecidas?
  • Por que o personagem “naturalmente” escolhe o caminho “menos racional e recomendável, que leva à tragédia e à ruína”?
  • Será que nós ou as outras pessoas são tão pouco importantes a ponto de sermos esquecidos? Será que nós nos damos a devida importância?

Terminada a discussão, é feita a entrega de um resumo teórico sobre o gênero conto, com um pouco sobre sua história, principais autores e características estruturais. O professor faz, junto com a turma, a análise do conto Grande Edgar conforme aquelas características (apresentação, complicação, clímax, desfecho).

Terceiro Momento

Feita a análise do gênero, faz-se a avaliação, que consiste na elaboração de um pequeno texto que responda questões como “Quem é o “maior abandonado do título da música?”, “Você conhece maiores abandonados como aquele do qual a música fala?”, “O que fazer para não virarmos maiores abandonados?”

professor Como Fazer um Plano de Aula

6)      Por fim, escreva quais recursos você precisará utilizar: aparelho de som, computador, data show, retroprojetor, televisão etc.

7)      E, se quiser ter um controle maior das suas aulas, inclua o item Avaliação, que não é necessariamente a prova, mas acompanhar o envolvimento do aluno durante a aula, como ele se saiu com as propostas, exercícios e dinâmicas.

Salas de Aula com Data Show Como Fazer um Plano de Aula

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !

7 replies to this post