Como fazer uma horta escolar


Jardin_potager_1

Tem se tornado cada vez mais frequente o interesse das instituições de educação infantil ou ensino fundamental em passar para seus alunos algo além daquilo que comumente é tido como a forma de aprendizado, deixando de lado a ideia de ambiente fechado, com cadeiras e carteiras, ou seja, tirando os alunos para fora das salas de aula e criando um ambiente de aprendizado. Aproveitando esse pensamento, várias escolas começaram a criar hortas, nas quais são os próprios alunos que plantam e colhem os vegetais e posteriormente, fazem suas refeições com aquilo que elas mesmas trabalharam.

Children gardening F550x450 Como fazer uma horta escolarWikimedia Commons

Como fazer uma horta na escola?

Para fazer uma horta, que realmente venha a dar alguma produção, é preciso seguir algumas ideias básicas de plantio, ou seja, nada pode ser feito de qualquer jeito para que haja resultados, caso contrário, a horta não irá crescer.

  1. Prepare um local para a horta. É preciso escolher um local onde bata a luz do sol de acordo com as necessidades da planta a ser inserida no local. Claro, poderá haver mais de um tipo de vegetal, ou árvore a ser plantada. Porém, deve-se lembrar que cada uma tem suas propriedades e necessidades;
  2. A adubação da terra também deverá ser feita de acordo com o tipo de semente a ser colocada: alguns tipos de vegetais precisam de quantidade diferente de água a cada certo período, então é preciso fazer uma separação para cada tipo. Reserve áreas para cada tipo de plantio, delimite-o com pequenas separações e placas de identificação, evitando assim erros de tratamento e localização.
  3. Para proteger a horta contra insetos e pragas, pode-se construir pequenas “casas”, feitas com apoios de madeira e com telas, assim a luz do sol chegará ao plantio, mas a entrada de insetos será dificultada. Pode-se, também, fazer uso de pesticidas, que normalmente não são recomendadas ou utilizadas em hortas escolares por vários motivos, o maior deles é por que, normalmente, são as crianças que manipulam a horta e posteriormente fazem o consumo do que ali foi plantado.
  4. Tratar frequentemente a horta, uma vez que criado o espaço, preparada a terra e plantadas as sementes, o cuidado deve ser constante, para que não acabem crescendo plantas e ervas que possam inutilizar o espaço que foi dedicado à horta. Regue na frequência necessária e verifique o andamento de tudo.
  5. Após a colheita da horta, é necessária uma nova preparação do solo, para o novo plantio e que as próximas sementes cresçam com a saúde necessária e esperada da horta.

450px Ferte3 F550x450 Como fazer uma horta escolarWikimedia Commons

Trabalhar com hortas no ensino de crianças é uma escolha sábia para educar. Com elas, as crianças podem aprender na prática sobre o desenvolvimento das plantas, entre vários outros temas relacionados diretamente com meio-ambiente, além do desenvolvimento da responsabilidade nas crianças, já que elas é quem deverão cuidar ou não da horta, fazendo assim com que ela seja produtiva ou não.

 (Imagem destacada: Wikimedia Commons)

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !