Como instalar um vaso sanitário


3066505102_4acd52974b

Na hora de fazer obras e construção em casa, poucos cômodos exigem mais precisão e critério ao ser feita a instalação de equipamentos como na cozinha e principalmente no banheiro, lugar onde peça como a rede de esgoto deve estar bem vedada para tornar o ambiente asséptico e sem maus cheiros, principalmente ao que tange ao vaso sanitário. Vamos ver como você deve proceder para fazer a instalação da privada a fim de ter o banheiro funcional e sem problemas de nenhum tipo.

O vaso sanitário é das peças de cômodos que necessita de mais experiência e critério para ser instalada, já que ela lida diretamente com o despejo de dejetos humanos e está também ligada a rede principal de esgoto da casa. Logo, vedação é a palavra chave para que o aparelho seja de forma precisa e perfeita no ambiente, caso contrário muitos problemas virão posteriormente, desde liberação de maus cheiros até mesmo vazamentos muito desagradáveis.

5705432272 59582ae139 Como instalar um vaso sanitárioEugenio Hansen, OFS/Flickr

A princípio, sempre deve se escolher um tipo de louça de privada em material de muita qualidade para que, com o tempo, rachaduras não venham a aparecer devido a mudanças de temperatura e umidade. Não á toa grande parte das louças para privada são feitas em porcelana, uma vez que o material é hermeticamente perfeito contra vazamentos de gases e mesmo de umidade. Mas após isso, a instalação do vaso deve ser feita não com menos critério e perfeição.

  1. Certifique-se antes de qualquer coisa que o sistema de sifão do vaso está perfeitamente instalado. O sifão é o sistema que torna o fluxo de dejetos dentro do vaso fluente ao usar princípios da física hidráulica de empuxo. Se o sifão não estiver funcionando bem, o vaso pode vir a entupir com frequência e você terá de descolar todo ele para que seja adequadamente reparado, e isso irá custar mais do que instalar uma privada nova.
  2. A superfície no chão onde a privada será instalada deve preferencialmente ser plana e lisa. Isso não impede que o banheiro tenha piso em lajotas feito com rejunte, mas profissionais especializados terão de fazer um corte na lajota exatamente com o formato da base do vaso para que ele fique instalado perfeitamente.
  3. Atente para as redes de canos do vaso, a fim de ligar a saída da base ao cano do sifão e a saída superior ao cano de fluxo da caixa d’água do vaso. Privadas que possuem sistema horizontal, no qual é dispensado a caixa d’água, geralmente são instalados com a necessidade de abrir a parede, e claro, exigem um profissional especializado para colocar o aparelho. Já as privadas com caixa podem ser feitas manualmente por qualquer pessoa desde que essa saiba as entradas e saídas de água, que podem ser notadas intuitivamente se não tiver experiência.

    5939879211 ed70c453271 Como instalar um vaso sanitário
    Ze Carlos Barretta/Flickr

  4. Impermeabilize a conexão do cano de saída de dejetos com o vaso usando um anel de vedação de cera. Esse item pode acompanhar o conjunto de louça do vaso sanitário dependendo da marca, mas caso não esteja no pacote, não existe em comprá-lo. Ele é imprescindível e é o único modo pelo qual os maus cheiros do esgoto não retornem a superfície.
  5. Vede a base de todo o vaso usando rejunte. Se o piso é feito em lajotas, utilize a mesma massa de rejunte que usou para a colagem das lajotas.

Não hesite inclusive em colocar rejunte onde for possível, como por exemplo, ao redor do anel de vedação após instalá-lo e até mesmo pelas bordas interiores do vaso antes de assentar ele no chão. Se você não tiver muita experiência com isso sempre procure a orientação de um profissional a fim de não gastar dinheiro à toa com um sistema mal vedado.

 (Imagem Destaque: meh_sleep/Flickr)

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !