Como aprender a nadar


nadar_dest

Você precisa fazer um exercício físico e logo alguém fala: “Vá fazer natação, pois é um esporte completo!” E você pensa: “Mas eu não sei nadar!” Calma! Isso é fácil de resolver! Antes de começar a dar dicas de como aprender a nadar, saiba por que a natação é um esporte completo!

nadar0 Como aprender a nadar

É completo, pois ajuda tanto a emagrecer (exercício aeróbio) quanto ajuda a tonificar os músculos, a melhorar a respiração, entre outros benefícios.

Bom, agora atente-se às dicas!

Primeira dica de todas: se você puder, procure uma escola de natação. Sempre é melhor aprender algo novo (principalmente quando está relacionado com o corpo humano) com a ajuda de um profissional. Ele saberá adequar os exercícios de acordo com seu estereótipo, sua idade, seu condicionamento físico, entre outros benefícios. Além disso, ele dará todas as dicas necessárias para aprender os estilos de nado: nado crawl, nado costas, nado peito e nado borboleta.

nadar2 Como aprender a nadar

Mas mesmo que você for a uma escola, há algumas coisas que você pode ir tentando fazer sozinho… em uma piscina, claro.

Antes de tudo, separe alguns materiais:

  • touca de natação
  • óculos para água
  • bóias, pranchas, espaguetes
nadar1 Como aprender a nadar
Agora se ligue nas dicas:
  1. Vá a uma piscina que dê pé a você. Sinta-se seguro, não vá muito ao fundo, pois isso pode deixá-lo assustado.
  2. Fique apoiado à margem da piscina e você irá fazer exercícios de respiração. Puxe o ar (inspire), coloque a cabeça na água e solte o ar pelo nariz, fazendo bolinhas. Faça isso várias vezes. Isso fará com que se acostume com a água.
  3. Aprendeu a respirar na água? Agora tente fazer exercícios com a perna. Pegue uma prancha ou o espaguete (escolha aquele que se sentir mais seguro), segure com os braços, deixe a cabeça para fora da água e bata as pernas. O movimento é de cima para baixo, uma perna de cada vez – lembre-se: pernas estendidas! O pé tem que estar relaxado. Essa perna que você está treinando é o princípio do nado cachorrinho e do nado crawl. Treine bastante isso.
  4. Agora, ainda com o espaguete ou prancha, vá de um lado a outro da piscina, mas agora o exercício será: pernas + respiração. Então, enquanto vai treinando a perna, tente colocar a cabeça na água, soltando o ar pelo nariz. Vá fazendo isso repetidas vezes. Isso começará a te dar resistência física.
  5. Agora, com o espaguete (nesse momento você não conseguirá usar a prancha), você tentará fazer o nado cachorrinho. Coloque o espaguete entre os dois braços, com a cabeça para fora da água (por enquanto), continue fazendo a perna ensinada no passo 4 e faça também movimentos com as mãos. O movimento é assim: finja que está cavando a água, uma mão de cada vez. A mão tem que estar em formato de conchinha. Faça esse exercício repetidas vezes de forma a aprimorar o movimento e ganhar mais resistência.
  6. Tente fazer o mesmo exercício do passo 6, mas sem o espaguete. Comece a se soltar na água, mas respeite seu limite. Vá aos poucos. Não se pressione. E não se esqueça de fazer esses exercícios em piscina que dê pé para você, pois, caso não dê, você pode se sentir inseguro e a aprendizagem pode não fluir. Para respirar, você vai apenas levantar a cabeça, tomar fôlego e voltar a abaixá-la, soltando o ar pelo nariz.
  7. Agora pegue uma pranchinha. Segure-a à frente de sua cabeça, com os braços bem esticados. Lembra-se dos movimentos das pernas? Então! Faça esse exercício com as pernas, a prancha esticada lá na frente e a cabeça na água. O que fará de diferente nesse momento será a respiração. Para respirar, você irá tirar a cabeça pela lateral, o suficiente apenas para que a boca fique para fora da água e você consiga pegar o ar. Volta a cabeça, soltando o ar pelo nariz. Faça esse treino tirando a cabeça pelo lado direito e pelo lado esquerdo. Perceba que essa é a forma como se respira no nado crawl. Treine bastante isso, pois em breve você tentará nadar o estilo crawl sem a prancha.
  8. Agora você aprenderá o braço de crawl. Com a prancha, na mesma posição que o exercício anterior. Sempre batendo a perna, faça o seguinte: tire um braço da água, fazendo um movimento de meia-lua (a princípio, pois o movimento do braço de crawl não chega a ser uma meia-lua para fora da água). Em seguida, segure a prancha de novo e faça a mesma coisa com o outro braço. Não se esqueça da respiração, com a cabeça na lateral. Treine bastante!
  9. Faça agora o exercício do passo 9 sem a prancha! Vá aos poucos. O movimento do braço precisa ser sincronizado para que o nado saia direito e você não se canse demais. Lembre-se que, assim que o braço direito estiver voltando para a água, o braço esquerdo irá saindo. Não se esqueça da respiração e das pernas.

nadar Como aprender a nadar

Importante

  • Você percebeu que todos os exercícios precisam ser muito bem treinados. Passe para o passo seguinte sempre depois de ter treinado bastante o passo atual.
  • NUNCA tente aprender a nadar no mar, ele é perigoso e as ondas pode levá-lo mais ao fundo, fazendo com que fique em um lugar que não dê pé para você. Isso pode causar um acidente grave!

 

Você verá que logo, com essas dicas, você estará nadando! E depois não se esqueça de voltar aqui e contar para o Comofas como foi, ok?

Boa sorte!

3 replies to this post