Como preencher o disco de tacógrafo


p1

O tacógrafo é um item indispensável utilizado nos veículos com o objetivo de fazer o monitoramento de velocidade, distância e tempo de percurso. Esse equipamento foi desenvolvido por Max Maria von Weber e a sua primeira utilização foi realizada em trens.

3 F550x45063 Como preencher o disco de tacógrafonathanborror/Flickr

O tacógrafo é muito importante, mas existe um elemento que é quase tão importante quanto ele: o disco diagrama, item feito de papel carbonado com o objetivo de registrar as informações.

Esse disco é um item de total importância, considerado a essência do tacógrafo, pois sem ele o equipamento não possui a sua função principal que é registrar a velocidade e o tempo, registro fundamental para utilização certa do recurso e para evitar multas ou até mesmos acidentes por excessos.

Você sabia que há uma legislação que exige que você siga os procedimentos corretos de preenchimento na utilização do equipamento? Não seria nada bom ser surpreendido por uma fiscalização e se deparar com esse problema, não é mesmo?

Então vamos ao guia essencial para você descobrir que até o preenchimento do seu nome ou o armazenamento são cobrados pela legislação em vigor.

Como preencher o disco de tacógrafo

Para evitar dores de cabeça, confira agora o passo a passo de como preencher o disco do tacógrafo.

Passo a passo:

  1. A região central do disco deve possuir algumas das informações mais importantes do item e que são solicitadas na fiscalização; Comece colocando a identificação dos motoristas do veículo, organizando entre o primeiro e o segundo e colocando os nomes de cada um;
  2. Identifique a placa pela sua numeração;
  3. Inclua a data na qual o disco foi colocado;
  4. Esses dados são obrigatórios, mas há alguns dados “não obrigatórios” que indicamos em alguns casos que você preencha no disco: O destino da viagem que o veículo dirige, qual é a quilometragem rodada ao final da viagem; qual é a quilometragem marcada antes do disco ser fixado; qual é a distância total percorrida pelo veículo, organizada por quilômetro inicial versus quilômetro final.

Importante:

  • Os discos devem ser fiscalizados conforme resolução do órgão responsável e por isso não é permitido nenhum tipo de alteração com informações falsas;
  • Esse tipo de procedimento parece ser muito simples, mas é fundamental para que você evite grandes dores de cabeça no futuro;
  • Para não sair dar normas estabelecidas, siga sempre as nossas dicas e orientações fornecidas pelos órgãos reguladores.

2 F550x45061 Como preencher o disco de tacógrafoVicente Eugenio/Flickr

Dicas

  • Se mesmo assim você ainda se sentir inseguro na hora de preencher corretamente o diso, confira as orientações dispostas no Denatran e realize o preenchimento sem dúvidas;
  • Para quem utiliza o tacógrafo é obrigatório que se faça uma revisão a cada dois anos para que a lacração e a selagem sejam comprovados, possibilitando assim o certificado de verificação.

Curiosidade

Existem algumas versões digitais do aparelho e elas são bastante interessantes, pois evitam que os dados fornecidos sejam alterados, além de aumentar a praticidade do preenchimento, já que todo o trabalho é feito pelo aparelho que registra automaticamente todos os dados do veículo. Esse tipo de equipamento já vem sendo utilizado por grandes empresas de transporte que necessitam de uma verificação completa e diária.

Boa sorte e continue acompanhando os nossos guias de como fazer!

(Imagem destaque:  Blog do Milton Jung /Flickr)