Como regular o intestino preso


p1

Não há nada pior do que sentir os efeitos de um intestino preguiçoso ou intestino preso – como é popularmente chamado. Só quem sofre deste mal pode dizer o quanto é difícil e torturante não conseguir evacuar, e isso  acaba afetando até o humor.

d F550x4502 Como regular o intestino presomauritsonline/Flickr

Os efeitos do intestino que não funciona regularmente são logo percebidos:

  • Barriga estufada e dolorida pelo acúmulo de gases;
  • Problemas na pele como espinhas, cravos e alergias;
  • Infecções de vários tipos, principalmente as intestinais;
  • Dificuldades digestivas e circulatórias;
  • Hemorróidas;
  • Colites;
  • Câncer de intestino ou no reto.

Saiba, então como se livrar deste mal, conferindo as dicas a seguir:

c F550x4505 Como regular o intestino presoLablascovegmenu/Flickr

Como regular o intestino preso

  • Melhore sua alimentação. Além de incluir legumes, verduras e frutas em sua rotina alimentar, faça refeições regulares com intervalos de 3 em 3 horas;
  • Beba muita água. Se o seu organismo ficar com deficiência de líquido, ele vai reter a água que se encontra no bolo alimentar, o que ocasionará ressecamento e endurecimento das fezes;
  • Coma fibras. Elas fazem o papel de “faxineiras” do intestino, varrendo as paredes e forçando a evacuação.Mas, atenção:as fibras só funcionam em parceria com a água, pois ao contrário ressecarão mais ainda as fezes e a dificuldade de evacuação aumentará;
  • Aumente o consumo de alimentos que tenham efeito laxativo: mamão, ameixa preta, berinjela, uvas, vegetais folhosos, quiabo, farelo de trigo (no mínimo 2 colheres de sopa por dia em vitaminas, mingaus, sopas, pães, etc), frutas com bagaço, azeite de oliva (ao menos 1 colher de sopa ao longo do dia), alimentos probióticos que auxiliam a digestão,  favorecendo o funcionamento do intestino;
  • Evite alimentos que dificultem a ação intestinal, como: farinhas refinadas, batata, arroz branco, amido de milho, maçã, pão branco, féculas, creme de arroz, gelatinas, etc;
  • Vá ao banheiro quando sentir vontade. Parece algo óbvio, mas não é tão simples assim, já que muitas pessoas simplesmente não conseguem evacuar fora de casa. Ao segurar a vontade de evacuar você faz com que o bolo fecal se torne maior e mais ressecado, dificultando ainda mais a evacuação;
  • Faça exercícios! Sim, a atividade física ajuda estimulando as contrações do intestino. Os exercícios mais recomendados são os aeróbicos como natação e caminhadas.
b F550x4506 Como regular o intestino presohang_in_there/Flickr

Dicas:

  • Tome muito cuidado com sua flora intestinal, pois ao tentar estimular o intestino você pode destruí-la. Evite ao máximo usar laxantes, mesmo os naturais, como por exemplo a cáscara sagrada que irrita muito a flora intestinal e o sene, que tem poderoso efeito laxante. Só use em casos extremos e de preferência com indicação médica;
  • Evite fast foods, excesso de açúcar, gorduras e alimentos industrializados;
  • Não coma sempre os mesmos tipos de alimentos. A variação alimentar contribui para o bom funcionamento do intestino, por isso alterne e equilibre o consumo de carnes, frutas, verduras e cereais.

Como você pode perceber, a alimentação é a maior responsável pelo bom funcionamento do intestino e é por isso que ter hábitos saudáveis e rotinas de exercícios, vai ajudá-lo e muito, a se livrar de vez deste problema. Nada acontece por milagre, por isso, faça um esforço e resolva de vez o problema da constipação intestinal.

Boa sorte!

(Imagem destaque: hang_in_there / Flickr)

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !