Exemplos de contos inspiradores para você escrever o seu


escrever_destaque

A estrutura de um conto está, há tempos, sendo difundida sob diversos parâmetros. Já não há, necessariamente, uma linearidade, uma formula para se escrever um conto de sucesso. Isso vai muito da inspiração. Uma história pode ser longa e contar apenas um dia, ou ser curta e contar uma vida inteira. Mas o que realmente importa ao escrever é o conflito que essa história precisa ter.

escrever1 Exemplos de contos inspiradores para você escrever o seu

Um conto precisa ter:

  • Personagem
  • Narração
  • Conflito
  • Resolução do conflito
escrever2 Exemplos de contos inspiradores para você escrever o seu
Exemplos de contos:

Para mostrar que a estrutura de um conto relata a personalidade e características de seu autor, usamos como exemplo o conto de José Saramago:

“O conto da Ilha Desconhecida”. Com uma estrutura diferente e cativante, conta-se a história de um homem que pediu um barco ao seu rei. Um barco para ir a uma ilha. Até então, vê-se dois personagens e um conflito.
A estrutura, no entanto, é onde aparece a divergência. Não existem falas – ou melhor, elas existem, mas não na presença convencional de parágrafos e travessões. O narrador conta tudo, em terceira pessoa, sem que haja envolvimento. É o chamado narrador onisciente.

Este, de José Saramago, se passa por um período grande – não tanto, mas muito maior que o conto de Rubem Braga, “Homem no Mar” que simplesmente se restringe à trezentos metros de mar. O narrador é em primeira pessoa, e o personagem nada.

escrever3 Exemplos de contos inspiradores para você escrever o seu

Outro exemplo interessante de se mencionar é “Hora de Dormir”, de Fernando Sabino. Sem narração alguma, o diálogo acontece cheio de humor e ritmo, numa conversa entre pai e filho. É o tipo de conto para ser devorado em minutos.

Se a intenção, contudo, é escrever um conto a partir de uma fórmula, saiba que: Sim, existe uma. Chama-se a “Jornada do Herói”. É uma estrutura literária presente em praticamente todas as histórias conhecidas no mundo (sejam elas livros, filmes ou quadrinhos) pode existir esse modelo, criado por Joseph Campbell, no livro “O Herói de Mil Faces”, onde existe um personagem (que futuramente será chamado de herói), que vive na zona de conforto, no mundo comum. É óbvio que, para existir história, este personagem deve sair desta zona de conforto.

É neste momento que ele é chamado à aventura. Acontece que sempre há um problema. O herói teme esse novo mundo e tem medo de que algo aconteça. Então ele pensa em recusar. Entre outros detalhes, o personagem passa por provas, descobre amigos e inimigos e prova o herói que ele é. Aí, o livro tem seu desfecho e, se não for uma série, a história acaba aí.

escrever4 Exemplos de contos inspiradores para você escrever o seu

O que se pode levar a diante para seu conto?

Ele não precisa ter essa linearidade, mas o importante é conhecer que ela existe, para saber como sair dela.

Paulo Fernandes Campos escreveu um conto interessante para se exemplificar como sair da linearidade. No caso de “Chatear e Encher”, apenas se sabe que um amigo do narrador é quem faz as definições de chatear e encher. Pouco texto, muito humor e um desfecho parecido com o conto “Hora de Dormir”.

O desafio de um conto é saber a hora certa de terminá-lo. Findar com uma oração que deixe o leitor satisfeito de tê-lo lido. Essa é a sensação inspiradora que um conto precisa ter e até mesmo trazer para seu leitor. Lembre-se que um exemplo de conto é apenas dado para que, na realidade, você sinta-se pronto para começar a escrever.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar !

12 replies to this post